FANDOM

1,941,320 Pages

StarIconBronze
LangIcon
Atento, Alerta

This song is by Marília Medalha and Egberto Gismonti and appears on the compilation IV Festival da Música Popular Brasileira - Volume 1 (1968).

This song has been covered by Egberto Gismonti under the title "Atento, Alerta".
Nem sei quem sou nesta vida
Pensei: Que fiz neste mundo?
Eu sou gente, um ser consciente
Ou sou andróide que trabalha
Vota em branco, vai ao banco?
Vide amor, voto meu
Quem sou eu?
Depois me entrego em pó ao chão

Atento, alerta
Ao que se oferta a mim
Dor, lei, guerra quente, fria
Chega ao novo mundo dos homens
Foje o meu próprio viver
Passo do olhar num lugar amor, camará

Lute você se quiser
Eu fujo a mando de amor
Armas de amante ancioso
Brancas polidas

Eu sou desertor, desertei
Eu quero achar a poesia
Do mundo e o poeta
Que fez que a rosa rosasse
Fique em mim quem
Padece amando
Sobrepondo amor

Eu vou ser cego, surdo, mudo ou mundo
Dos que se entregam a batalhas
Mas não estampam a medalhas
Fazem do peito um lugar a dor, camará

Lute você se quiser
Eu fujo a mando de amor
Armas de amante ancioso
Brancas polidas

Eu sou desertor, desertei
No amor eu acho a poesia
Do mundo e o poeta
Que fez que a lua luasse
Fique em mim quem
Padece amando
Sem descrer do amor

Atento, alerta

Music by:

Egberto Gismonti

Lyrics by:

Paulo Sérgio Valle Wikipedia16