Fandom

LyricWiki

Mafalda Veiga:Prisão (letra De Luís Represas) Lyrics

1,870,279pages on
this wiki
Add New Page
Talk0 Share

Ad blocker interference detected!


Wikia is a free-to-use site that makes money from advertising. We have a modified experience for viewers using ad blockers

Wikia is not accessible if you’ve made further modifications. Remove the custom ad blocker rule(s) and the page will load as expected.

StarIconGreen
LangIcon
Prisão (letra de Luís Represas)

This song is by Mafalda Veiga and appears on the album Nada Se Repete (1992).

Eles sentaram-me à mesa do medo
No banco mesmo a seu lado
Sentia-lhe o corpo hirto
E gelado de tão perto

Sentia-lhe o cheiro podre
De tão velho
Que o medo perdeu a idade
No labirinto dos homens
E escorre pela sombra
Dos corredores

Eles sentaram-me à mesa do medo
No banco mesmo a seu lado
Ouvia-lhe a boca negra dizer-me:
"não penses, assim não sofres"

Virei a mesa do medo
É pensei
Que há mais para virar
Virei-me por dentro
Até despertar
Eles sentaram-me à mesa do medo
No banco mesmo a seu lado
Ouvia-lhe a boca negra dizer-me:
"não penses, assim não sofres"

Virei a mesa do medo
E pensei
Que há mais para virar
Virei-me por dentro
Até despertar

Also on Fandom

Random Wiki