FANDOM

1,927,557 Pages

StarIconGreen
LangIcon
​Onde Mora a Vida

This song is by Mafalda Arnauth.

Oiço dizer, em rosário
“Não anda fácil, a vida”
Eu, que ando sempre ao contrário
Que me recuso perdida
Não sou de agoirar desgraça
E faça o que eu faça
Ando sempre ao contrário.

Alma de veia teimosa
Bicho de raça inquieta
Essa tristeza formosa
Dona de manha discreta
Entra sem pedir licença
Senhora indiferença
Vai crescendo, ditosa.

NÃO LHE HEI-DE ABRIR A PORTA
NÃO A DEIXO CÁ ENTRAR
NESTA CASA MORA A VIDA
QUE CUSTOU P’RAQUI CHEGAR
SE A TRISTEZA ANDA A SOLTA
NOUTRA RUA VÁ MORAR.
SE A TRISTEZA ANDA À SOLTA
PORQUE A HEI-DE EU APANHAR.

Por cada dia cansado
Rasgo a preguiça de ser
Invento um sonho acordado
Num copo fresco a beber.
Por cada nota descrente
Ou estrela pendente
Leve o vento esse fado.

Se ele soprar como eu
Hão-de vergar falsas dores
Se um grande amor se perdeu
Descubram-se outros amores
Deixar de fora a desgraça
E à tristeza que passa
Pedir dias melhores.