FANDOM

1,927,263 Pages

StarIconGreen
LangIcon
​Poeta

This song is by Joana Amendoeira and appears on the album Aquela rua (2000).

Poeta, onde tu foste morar
Não vão meus olhos chegar apenas o pensamento
Poeta, estrela morena perdida
Longe, tão longe da vida
Quem sabe, onde nasce o vento

Manhã, podia vê-lo, discreto em seu passito
Buscando a natureza desejada
E á noite, na cidade, muralhas de granito
Cercavam-lhe a vontade entusiasmada

Ao peito um amuleto, que a sorte era precisa
A sorte aos lusitanos é madrasta
Escrevia nos seus versos o que a boca indecisa
Escondia entre a murtalha suja e gasta